domingo, 19 de fevereiro de 2012

Nos Olhos do Velho Senhor

video

Ele entrou por aquela antiga porta
A poeira se escondia por debaixo dos tapetes.
Velhos rostos desconhecidos
Velhos rostos a ser conhecidos

Puxou uma cadeira e um cigarro do paletó
Sonhava de olhos abertos
As rugas haviam tomado seu rosto
Triste e seco, esquecido pela vida

"Estamos velhos" Disse,
Estava sozinho na sala.
"Estamos velhos" Disse,
e pegou o violão
Bateu as cordas e fechou bem forte os olhos.

Sonhamos juntos, eu sei
Sonhamos juntos e acordamos separados
E agora.. É hora de deixar tudo se ir..
Pra sempre..


[Errei pra caralho, mesmo; Sem animo pra corrigir
Cheio de ruído, e dai?]

Nenhum comentário:

Postar um comentário